Seja Bem Vindo

Desperte seu potencial, seja sua melhor versão, alcance seus objetivos com foco em resultados duradouros e melhoria constante em um curto espaço de tempo. Quer saber como?

Estou fazendo dieta e ganhei peso.

Estou fazendo dieta e ganhei peso.

“Estou fazendo a dieta Lowcarb, Jejum Intermitente, seguindo tudo certinho, mas quando me peso percebo que ganhei peso ao invés de perder”.

Essa foi a dúvida de uma amiga que faz parte do meu grupo de emagrecimento saudável e acredito ser a situação em que muitos estão passando na sua busca pelo peso ideal.

Pensando nisso resolvi escrever esse artigo.

Em primeiro lugar temos que falar de algo que falei no post anterior. O Metabolismo: capacidade que o organismo tem de transforma o que ingerimos em combustível para o corpo. Alguns tem o metabolismo mais lento e outros já são bem acelerados, comem e não engordam. A quantidade de ingestão de calorias diária varia de indivíduo para indivíduo e o tempo de emagrecimento pode levar mais tempo para uns do que para outros. Não é culpa da dieta, nem você que está fazendo algo errado, mas simplesmente o seu DNA foi programado assim.

O que fazer para contornar isso? Além de seguir a dieta, o jejum, a atividade física e o descanso que é a base para uma vida saudável, existe alternativas naturais como alimentos termogênicos (café, gengibre, canela e etc), que ajudam o corpo a acelerar o metabolismo.

Perda de peso muito rápida

Outra causa, por perder peso rápido demais o corpo percebe você pode estar doente e precisa guardar energia. Involuntariamente seu metabolismo desacelera e começa a criar uma reserva de energia, parando de perder peso e até ganhando alguns quilinhos. O que causa desanimo, frustração e até mesmo abandono do objetivo de emagrecer. Mas aí é que você deve lutar.

Como mudar isso? Mude a estratégia, em alguns casos é aconselhável ingerir carboidratos a mais durante um ou dois dias fazendo o corpo “pensar” que está tudo bem e volta-se a dieta e tudo volta ao normal. Em outros casos será necessário aumentar o tempo de jejum e mudar os treinos, apostar mais nos aeróbicos ao invés da musculação. Tudo é uma questão de tentativa e erro. Até acertar o passo e voltar a perder peso.

Você está ganhando massa muscular ao mesmo tempo que perde gordura.

Se você está treinando pesado e se alimentando de forma correta. O que acontece é que você está ganhando massa muscular ao passo que queima gordura.
Mude a estratégia novamente, diminua a suplementação, se estiver usando. Faça o teste da bio-impedância com um nutricionista ou nutrólogo e veja como está sua porcentagem de gordura e massa magra.
Faça a pesagem e tire suas medidas apenas uma vez por semana. Escolha um dia, um horário, de preferência ao acordar e depoi de fazer suas necessidade e sempre use a mesma balança. Se possível tire fotos para fazer um comparativo. As vezes você não está perdendo peso, mas está perdendo medidas e isso é um bom sinal.

Constipação na Lowcarb

É comum acontecer da ida ao banheiro diminuir. Muito passam por isso ao começar uma reeducação alimentar com baixo consumo de carboidratos. Ao cortar o carboidrato, há perigo de eliminar boa parte das fontes de fibras da dieta: legumes, frutas e grãos integrais. As fibras ajudam na formação do bolo fecal. Quando o consumo delas cai, o intestino fica preguiçoso, o que provoca distensão abdominal e gases.

Uma forma de evitar isso seria aumentar o consumo de alimentos de baixo carboidratos mas ricos em fibras e as gorduras do bem. Dentre esses alimentos podemos citar: Sementes de chia, frutas low-carb (como abacate, morango e coco), linhaça, kefir (probiótico natural que falarei em outro post), folhas verdes (como couve, alface e repolho), azeite de oliva, ruibarbo, café, psyllium e não esqueça de beber bastante água.

Retenção de líquido

A retenção de líquidos é comum nas mulheres e contribui para a barriga inchada e celulite, no entanto também pode ser mais grave e causar pernas e pés inchados. As alterações hormonais, sedentarismo, consumo de sal e produtos industrializados em excesso estão entre as causas mais comuns.

Como evitar?

Os chás diuréticos são um excelente complemento para emagrecer mais rápido, e as melhores opções são: 

  • Cavalinha, 
  • Hibisco;
  • Canela com gengibre;
  • Chá-Verde;
  • Ginkgo biloba;
  • Salsinha;
  • Centelha asiática;
  • Castanha da índia.

Outras causas:

Uso de medicamentos como corticoides, anticoncepcionais, antidepressivos, estresse demais, dormir pouco, falta de exercícios, nas mulheres ocorre desequilíbrio hormonal no período menstrual, em outros casos pode haver um problema na tireoide como o hipotireoidismo fazendo você ter aumento de peso.

O ideal é fazer um check up com seu médico de confiança antes de começar qualquer processo de perda de peso.

Ainda existe outras causas como: comer rápido demais e/ou tomando líquidos, dia do lixo todo fim de semana (autossabotagem – pausas na dieta faz o corpo começar a fazer reservas), abusar das oleaginosas e do sal (calorias em excesso, retenção de líquido e aumento da pressão arterial), usar condimentos industrializados (todos contém açúcar, realçador de sabor e corantes), uso elevado de adoçantes

Dicas valiosas:

  • Não desista, persista. Mostre quem está no comando;
  • Foque não no peso que quer perder, mas na vida que você quer ganhar;
  • Lute por você e pelo seu objetivo;
  • Crie expectativas realistas;
  • Respeite seu corpo;
  • Permita-se momentos de lazer e relaxamento;
  • Você está em um processo, respeite as etapas.

Lembre-se:

A perda de peso não é linear. Se você se pesar todo dia você irá descobrir que alguns dias você estará com uns quilos a mais e isso não quer dizer que a reeducação alimentar não está funcionando.

Siga essas dicas e você terá êxito no seu processo de emagrecimento.

Gostou da postagem?! Foi útil, fez sentido para você?!
Se sim, curta e compartilhe em suas redes sociais e com seus amigos.

isaiaslaune

2 Comentários

Patrícia Freitas Publicado em00:52 - 27/03/2020

Maravilhoso!!!!!!
Exatamente isso. Estou na fase de perder peso rápido e meu corpo está preguiçoso. Estou fazendo exatamente isso que você colocou. Comendo um pouco a mais de carboidratos pra poder voltar a dieta e meu corpo entender que não estou doente.

    isaiaslaune Publicado em23:00 - 27/03/2020

    Obrigado minha querida pelo comentário! Estamos juntos nessa jornada!